quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Santa Maria: Vigilantes estão em Greve




Segundo informações do Sindivigilantes, sindicato que representa a categoria, a decisão dos trabalhadores foi tomada porque as empresas estão descumprindo a lei que as obriga a pagar 30% da taxa de periculosidade da profissão.
A paralisação afetou o funcionamento das agências bancárias em Santa Maria da Vitória, e pegou clientes de surpresa.
A decisão da greve foi tomada depois de uma rodada de negociação, sem sucesso, entre as empresas e os trabalhadores na segunda-feira (25). A greve, que reúne cerca de 35 mil vigilantes em todo o estado, atinge estabelecimentos como hospitais, escolas, shoppings, bancos, entre outros.

O Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT5-BA) confirmou a audiência marcada para hoje (28)  às 14h30, em tentativa de conciliação entre os vigilantes bancários em greve e o patronato. Caso não haja acordo, será marcado julgamento. O processo (nº 11689.2013.505.0000 – processo eletrônico) tem como partes, de um lado, o Sindicato das Empresas de Segurança Privada do Estado da Bahia (Sindesp), e, do outro, o Sindivigilantes - BA, o Sindicato Metropolitano dos Vigilantes (Camaçari) e o Sindicato dos Vigilantes de Itabuna. A sessão ocorre na Seção de Dissídios Coletivos, na Sala de Sessões do Tribunal Pleno, sede do TRT5 em Salvador.

Samavi em Foco

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...